Buscar

Como é ser mãe nos EUA

Parece esquisito mas ser mãe nos EUA é muito diferente de ser mãe no Brasil. Quer saber como?



Olá meninas,


Você sabia que educar os seus filhos nos EUA é bem diferente de educar no Brasil?


Pois é, começando por não ter a ajuda da familia, amigos ou até de uma babá.


A quantidade de brinquedos e artigos que os seus filhos tem acesso é bem maior por aqui, então como controlar isso? E os horários que são mais restritos e diferentes?


Vamos conversar sobre tudo isso nesse Blog, pode ficar tranquila :).


Primeiro vamos falar sobre não ter ajuda.


Nos EUA somos responsáveis pela nossa familia e isso acaba criando uma dependência das crianças em nós, ainda maior. Mas aqui os seus filhos precisam aprender a ajudar em casa e a serem mais "hands on" no dia a dia!!


Nada de ficar com pena ou deixar eles assistindo TV enquanto você trabalha. Converse com eles, divida as responsabilidades e crie um mural em que eles precisam checar todos os dias para que não esqueçam das responsabilidades.


O lar também é deles então precisam fazer parte ajudando sim, não é?


Você precisa trabalhar em casa e as crianças não deixam??


Nos EUA os filhos estão acostumadas a criar, inventar e fazer coisas diferentes em casa. E precisam respeitar o seu momento, então deixe isso bem claro também.


Agora que não existe mais ajuda o tempo todo tudo mudou!

Um ponto que chama muita atenção é a quantidade de brinquedos e gadgets que as crianças tem acesso nos EUA.


Amazon.com: Chegando La! Manual para Imigrantes dos EUA. (Portuguese Edition) eBook : Jacoby, Vivi: Kindle Store



As vezes, por serem baratos sempre voltamos para casa com um brinquedinho. Ou sente pena deles por estarem longe do Brasil e compensa com os gadgets?


Muito Cuidado!


As familias americanas não compram ou dão tantas coisas para os filhos como os brasileiros estão acostumados.


Mas se você quiser muito dar, crie oportunidades para que eles precisem merecer fazendo algo importante para eles mesmos ou para a casa. Ou crie um sistema de pontos em que vão ganhando e acumulando caso se comportem de uma maneira, ou caso terminem o dever de casa no horário etc.


Muito importante que as regras fiquem bem claras para eles e para você.


Agora a maior diferença que vocês irão sentir são os horários das rotinas.


Aqui não se pode chegar atrasada nas atividades, por exemplo, já que elas começam no horário marcado e os coaches ou professores podem reclamar sobre o atraso constante ou até pedir que os seus filhos se retirem das atividades.


Também é importante criar uma rotina para que eles durmam mais cedo do que estão acostumadas no Brasil.


Nos EUA o dia começa e termina cedo e em geral o jantar é servido em torno as 6pm e em geral as 8pm as crianças estão na cama indo dormir.



Assim, você também terá um tempo durante a noite, olha que ótimo!


Calma, sei que é muita mudança, mas tudo vai se adaptar aos poucos.


Uma dica é fazer uma lista de todas as coisas que precisam ser ajustadas e ir mudando aos pouquinhos para que todos consigam se ajustar nessas transições.


A sua conexão com os seus filhos vai aumentar e tudo vai engrenar com sucesso.


Boa sorte e lembrem-se que estou aqui para dúvidas, perguntas ou reclamações :).



Vivi Jacoby

Coach de Imigração e Transição

coachingwithvivi.com

coachingwithvivi@gmail.com

Whatsapp: 1+ 347-209-6097




70 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo