Buscar

O seu diploma brasileiro vale nos EUA

Tenho diploma de faculdade no Brasil, posso usar nos EUA? Essa é uma pergunta que é feita praticamente todos os dias então vamos ler a resposta juntas.




Olá meninas,


Hoje, finalmente, vamos conhecer o que realmente precisa para a validação do diploma brasileiro.


.Muitos imigrantes vêm para os Estados Unidos determinados a trabalhar em qualquer emprego que lhes seja disponibilizado, pois presumem que a barreira do idioma, os testes, os livros didáticos e a validação da licença dificultam o processo.


Uma ótima opção é entrar em contato com uma universidade americana legítima e descobrir quais órgãos credenciadores eles aceitam para avaliar créditos estrangeiros.

Em seguida, entre em contato com esse órgão credenciador com as especificidades do seu diploma estrangeiro, para credencia-lo. Esta provavelmente seria a maneira mais segura de ter certeza e estar à vontade com a situação.


Se você quiser usar seus diplomas estrangeiros para estudar pós-graduação nos EUA, por exemplo, usando seu bacharelado estrangeiro ou mestrado para estudar doutorado nos EUA, dependendo da faculdade ou universidade onde você se candidata para determinar quantos créditos de quais cursos podem ser aceitos, ou um diploma inteiro será aceito.


.Para trabalhar, você precisa de uma empresa de Avaliação de Educação nos EUA para avaliar seus diplomas e cursos que você fez em seus países para certificar se é equivalente a um diploma nos EUA. Uma vez certificado, você pode usar seu diploma estrangeiro, seja Bacharelado, Mestre ou Ph.D. para trabalhar como se tivesse diploma correspondente nos EUA.


.Mas há exceções. Em medicina e direito, você tem que voltar a estudar nos EUA, ou você pode estudar sozinha e passar nos exames profissionais antes de poder trabalhar nessas áreas.


Mesmo as escolas médicas na Alemanha são melhores do que muitos médicos nos EUA, ou melhor do que tudo, você ainda precisa refazer os exames.

A maioria dos cursos técnicos, pós-graduação e doutorado exigem licença do estado onde a pessoa procura emprego.


O departamento ou escritório estadual cujo ramo se relaciona com aquela profissão específica é o outorgante da licença.


Por exemplo, o Departamento de Saúde regulamenta qualquer profissão relacionada à saúde, os professores devem encaminhar sua solicitação ao Departamento de Educação e o Conselho de Engenheiros Profissionais supervisiona os engenheiros.


O primeiro passo que um imigrante (formado na faculdade) deve dar é ter suas credenciais acadêmicas avaliadas. Uma instituição credenciada pela Associação Nacional de Serviços de Avaliação de Credenciais (NACES: www.naces.org) deve examinar todos os títulos e certificações para verificar sua validade.


O domínio da língua inglesa pode ser um requisito para algumas carreiras, como medicina, direito, odontologia, engenharia e contabilidade. Portanto, a maioria dos exames é redigida em inglês e o candidato também deve ser aprovado no TOEFL (Teste de Inglês como Língua Estrangeira - www.toefl.org).


Os procedimentos para cada carreira em particular diferem no tempo, tipo de exame e taxas. Você deve investigar os procedimentos adequados para sua linha de trabalho, tendo em mente que seu estado pode ter uma profissão que não exija uma licença.


Por exemplo, na Flórida, jornalistas, profissionais de relações públicas, técnicos de informática, designers gráficos, varejistas, especialistas em comércio, chefs, etc. não precisam de licenças.



Você também pode optar por uma licença secundária relacionada à sua profissão. Por exemplo, na odontologia, você pode optar pela licença de higienista dental e, na medicina, pela licença de assistente médico.


Para psicologia, você pode decidir se candidatar a uma licença de conselheiro; no direito, eles podem enviar um pedido de licença como paralegal ou consultor jurídico com ênfase nas leis de seu país natal, etc.


Se você está determinado a seguir o caminho complexo, mas mais satisfatório, a fim de trabalhar em sua própria profissão, a seguir está uma breve visão geral que explica os procedimentos de revalidação para certas carreiras:


PROCEDIMENTO PARA MÉDICOS

Os médicos estrangeiros devem apresentar credenciais acadêmicas da escola de medicina de seu país de origem para a Comissão de Educação para Graduados em Medicina Estrangeiros (ECFMG). Para obter a certificação ECFMG, você precisa cumprir uma série de testes oferecidos ao longo do ano. Logo depois, você deve concluir um Programa de Residência. Um ano depois de concluír seu programa de residência, você precisa fazer o (Exame de Licenciamento Médico dos Estados Unidos). Em seguida, deve completar o segundo ano do Programa de Residência, entre outras etapas.


PROCEDIMENTO PARA ODONTOLOGISTAS

Os dentistas devem primeiro enviar suas credenciais para avaliação à agência de Avaliadores de Credenciais Educacionais (ECE). Mais tarde, você deve ser aprovada nas Partes I e II do National Board Dental Examination e apresentar seus resultados à Joint Commission on National Dental Examinations da American Dental Association. Depois, você deve completar dois anos de ensino complementar em Odontologia em uma universidade credenciada nos Estados Unidos, entre outras etapas.


PROCEDIMENTO PARA ADVOGADOS

O advogado estrangeiro precisa cursar a faculdade de direito nos Estados Unidos para obter um diploma. Também deve validar os títulos e as certificações que obteve em seu país de origem. Após três anos de estudo, você pode ser elegível para receber um título de Juris Doctor. Deve apresentar o seu pedido à Ordem dos Advogados do estado onde pretende exercer e ser submetido a uma verificação de antecedentes. Depois de concluído, você pode começar a praticar, entre outras etapas.


PROCEDIMENTO PARA CONTADORES

Os contadores devem ser admitidos em um programa de Contabilidade em uma universidade credenciada e completar um mínimo de 15 horas semestrais de pós-graduação. Nove horas devem corresponder à contabilidade, e você deve ter pelo menos três horas semestrais em educação tributária. A universidade também deve verificar se você tem conduta exemplar. Além disso, você deve apresentar suas credenciais perante uma agência credenciada pelo Conselho de Contabilidade, possuir uma licença de uma escola não credenciada (de seu país natal) e demonstrar que concluiu uma quantidade pré-determinada de horas semestrais em contabilidade e o negócio. Por último, terá de passar no Exame CPA Uniforme para obter sua licença estadual.


PROCEDIMENTO PARA PROFESSORES

Um professor deve obter uma avaliação de suas credenciais. Depois disso, você precisa apresentá-lo junto com uma cópia autenticada de seus diplomas (mostrando claramente a data de graduação) ao Conselho Estadual de Certificação de Educador do Departamento de Educação. Você pode ir a qualquer tabelião público ou diretamente ao escritório do Conselho Escolar para autenticar o diploma original. Em seguida, deve enviar os resultados da avaliação, uma cópia autenticada do diploma e um pedido de certificação, juntamente com a taxa correspondente. Após a aprovação, você vai receber um certificado e agora estara autorizada a lecionar nos Estados Unidos.


Se a sua intenção é trabalhar na sua área de formação nos EUA, não desista e conclua os processos. No final vai valer a pena.


Um beijo e boa sorte a todas.


Brasileiras nos EUA

350 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo