top of page
Buscar

Onde ​devo morar?

Então você chega nos EUA e ai vem a pergunta: Como decidir aonde morar? Aqui estão fatores importantes para ajudar a decidir o melhor lugar para morar.



Lar é onde está o coração, mas e se o seu coração não sabe onde deveria estar, como fazer?


De baixas taxas de criminalidade a um grande sistema educacional, há muitas variáveis a considerar ao escolher aquele lugar perfeito que você e sua família podem chamar de lar.


Para ajudar você a tomar essa importante decisão, forneci uma análise dos fatores mais importantes para ajudar você a encontrar uma casa que atenda às necessidades de sua família e de você.


Comece determinando o que é mais importante para você e sua família. Se você é solteiro, morar em uma cidade movimentada pode ser a escolha ideal para sua próxima casa. Se você tem uma família, por outro lado, uma cidade pequena oferece comodidades que seus filhos vão adorar.


1. Acessibilidade


Não importa qual seja a sua nota salarial, viver confortavelmente e dentro dos seus meios deve ser sua primeira preocupação. A acessibilidade inclui mais do que apenas despesas com moradia; os preços de bens de consumo, como mantimentos, variam muito de cidade para cidade. O preço da gasolina, serviços públicos, incluindo eletricidade e água, e impostos, também varia.


2. Impostos


Você sabia que existem cinco estados que não têm impostos sobre vendas? Isso mesmo: o Alasca, o Delaware, o Montana, o New Hampshire e o Oregon não cobram imposto sobre vendas para vendas no varejo e alguns serviços. Além disso, o Alasca, a Flórida, o Nevada, o New Hampshire, a Dakota do Sul, o Tennessee, o Texas, o Washington e o Wyoming não cobram impostos de renda individuais.


Esses são fatores importantes a serem considerados ao escolher um lugar para morar. A Tax Foundation mede a carga tributária estadual / local, que calcula a porcentagem de renda que os contribuintes pagam pelos impostos estaduais e municipais. Seu último relatório, de 2009, afirma que os cidadãos de Nova Jersey pagam a maioria dos impostos, enquanto os moradores do Alasca pagam menos impostos. Além disso, 40 estados fornecem créditos fiscais de propriedade ou isenções de herdade que podem fornecer aos proprietários alguns benefícios fiscais adicionais. Considere o imposto sobre vendas local, o imposto de renda e os créditos e isenções fiscais quando você estiver procurando o lugar perfeito para morar.


3. Oportunidades de Emprego


As oportunidades de emprego variam de estado para estado e de cidade para cidade, por isso passe algum tempo pesquisando os mercados de trabalho em diferentes áreas do país. Comece analisando oportunidades de emprego de qualidade em seu setor e, em seguida, determine onde a concentração mais alta desses empregos está localizada.


Você quer ser um banqueiro de investimento? Você precisará morar em uma cidade grande, como Nova York ou Boston. Você é um professor? Suas opções irão expandir consideravelmente desde que a educação é procurada em praticamente qualquer cidade ou cidade.


Níveis de renda para empregos podem variar muito de estado para estado. Salary.com permite comparar as taxas de pagamento para várias carreiras em todo o país. Os salários são geralmente baseados em onde o trabalho está localizado. Por exemplo, um trabalho de gerente de marketing pode vir com um grande salário em San Diego, mas o custo de vida é muito alto no sul da Califórnia. Faça sua pesquisa antes de se mudar e, idealmente, encontre um emprego antes de se mudar.


4. Valor Imobiliário


Desde que comprar uma casa é o maior investimento que você provavelmente fará, você precisa considerar seriamente este fator. Com os imóveis em constante estado de fluxo, é importante pesquisar os preços atuais das residências, o período de tempo que as casas estão à venda, os valores de revenda das residências e as prováveis ​​estimativas de valor a longo prazo.


Além disso, analise cuidadosamente as tendências locais dos preços da habitação. Sites como Zillow.com e Trulia.com podem ajudá-lo a ter uma noção do mercado imobiliário local. Você tem a oportunidade de comprar uma casa em uma área onde os preços estão em alta, talvez representando uma bolha? A cidade ou cidade local está em processo de ser mais desenvolvida e, portanto, pode se tornar mais atraente para futuros compradores de casas?


5. Taxas de Crime e Estatística


Ninguém quer morar em uma área de alta criminalidade, mas isso não significa que todos possam viver em uma sociedade utópica onde o crime nunca acontece. Pesquisando as taxas de criminalidade e estatísticas para várias áreas, você pode aprender mais sobre a segurança de uma cidade ou bairro.


Se você já decidiu onde quer morar, pare nas delegacias locais para discutir sua nova vizinhança. A polícia ficará feliz em discutir quaisquer preocupações que você tenha sobre a área. Você também pode conferir Crime Reports, que permite que você analise estatísticas criminais de diferentes bairros.


Tenha em mente que só porque uma área é segura hoje não garante que ela será segura no futuro. A estabilidade a longo prazo de um bairro pode ser um fator determinante para a segurança de seu entorno. Além disso, considere o desenvolvimento futuro de um local específico à medida que você reduz suas opções.


6. Proximidade à Família e Amigos


Você tem uma grande família extensa? Você passa as férias com sua família e amigos? Esses são fatores importantes a serem considerados ao escolher onde morar.


Se a família e os amigos estendidos forem importantes para você, escolha um local a uma distância de carro ou a uma distância razoável de avião. Caso contrário, você se sentirá constantemente dividido e provavelmente gastará todo o seu tempo de férias e energia indo e voltando para visitar amigos e familiares.


7. Clima


Gosta de esquiar durante todo o inverno? Talvez o sul do Arizona não seja o lugar que você deveria chamar de lar. Não é fã de umidade? Você pode querer evitar se estabelecer na Flórida em breve.


<